Ministério do Trabalho disponibiliza cursos gratuitos para Batatais

A Escola do Trabalhador está com inscrições abertas para dois novos cursos: Excel intermediário e Identidade visual e gestão de clientes. Com isso, o número de cursos oferecidos pela plataforma virtual de ensino à distância do Ministério do Trabalho chega a 23 (veja no fim do texto a lista completa). Os cursos são gratuitos e não há pré-requisitos para matrícula. Também não existe escolaridade mínima exigida. Basta fazer um pré-cadastro e iniciar a qualificação.

Para ter acesso aos cursos, basta entrar na página da Escola do Trabalhador na internet pelo endereço http://escolatrabalho.gov.br/. Cada curso dura aproximadamente 40 horas, tempo estimado como necessário para o trabalhador cumprir todas as tarefas. Ainda assim, o conteúdo fica disponível por dois meses para que a pessoa inscrita consiga concluir as tarefas com calma.

Ao fim de cada curso, os trabalhadores precisam passar por uma avaliação para receber o certificado de conclusão. O documento é emitido pela Universidade de Brasília (UnB), instituição responsável pela elaboração dos cursos.

Cursos disponíveis na Escola do Trabalhador:

  • Agenciamento de viagens
  • Criando um negócio de sucesso
  • Higiene na indústria de alimentos
  • Introdução ao Excel
  • Português básico para o mundo do trabalho
  • Demonstrações contábeis e sua análise
  • Conhecendo o perfil do agente comunitário de saúde e seu processo de trabalho
  • Fundamentos e processos de gestão de Recursos Humanos
  • Segurança da informação
  • Edição e tratamento de imagens
  • Inglês aplicado ao mundo do trabalho
  • Cuidando de pessoas idosas
  • Comunicação escrita para o trabalho
  • Elaboração de folha de pagamento de empresas
  • Análise de investimentos
  • Espanhol aplicado ao mundo do trabalho
  • Análise de risco na construção civil
  • Empreendedorismo na pesca
  • Planejamento de negócios na pesca
  • Gestão da qualidade
  • Processos industriais
  • Excel intermediário
  • Identidade visual e gestão de clientes
  • Sobre a Escola do Trabalhador

O que é?

A Escola do Trabalhador é um projeto que leva qualificação profissional aos trabalhadores por meio de cursos feitos pela internet. Ela nasceu da constatação de que muitos trabalhadores desempregados não estavam conseguindo se colocar no mercado por falta de qualificação. Foi feita, então, uma parceria com a Universidade de Brasília (UnB), que está realizando pesquisas para definir quais serão os cursos oferecidos.

Os cursos são gratuitos e podem ser acessados de qualquer computador do Brasil por qualquer trabalhador no endereço http://escolatrabalho.gov.br.

Não há pré-requisitos para cursá-los. Não existe escolaridade mínima exigida.

Como funciona

Os cursos são formados por módulos de aproximadamente 40 horas cada (o número de módulos vai depender da necessidade de cada curso). Cada módulo fica disponível por dois meses, tempo estimado para a conclusão com tranquilidade de todas as atividades. Ao final, o trabalhador passa por uma avaliação para receber o certificado emitido pela UnB.

Os conteúdos são compostos de textos, vídeos e jogos. A linguagem é simples e a navegação no site, intuitiva para que seja acessível a todos os trabalhadores.

COMPARTILHAR