TSE: 83 candidatos e 575 eleitores foram presos até as 15h

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou boletim com o balanço parcial do número de prisões nesta eleição. Até as 15h deste domingo (2), 83 candidatos e 575 eleitores foram presos por crimes eleitorais.

Segundo o G1, deste total, 61 candidatos foram presos por realizarem boca de urna, 5 por divulgarem propaganda não-permitida, quatro por transporte ilegal de eleitores, nove por corrupção eleitoral e quatro por motivos não informados. Além de 575 eleitores foram presos por irregularidades cometidas próximo às zonas eleitorais.

De acordo com o TSE, entre os motivos, estão uso de alto-falante (1 prisão), boca de urna (333 prisões), divulgação de propaganda (61 prisões), transporte ilegal de eleitores (25 prisões), corrupção eleitoral (71 prisões) e outros motivos (84 prisões).

COMPARTILHAR